ATUALIZAÇÕES SOBRE O CORONAVÍRUS

Mar calmo nunca fez bom marinheiro! E nós, brasileiros, sabemos bem disso. Vivemos com surpresas e instabilidades já há uns bons anos – na economia, na política, no trânsito, no nosso dia a dia e até no clima atualmente (haja vista o friozinho em pleno verão). A notícia mais recente, que vem tomando as manchetes dos principais jornais nos últimos dias, é o Coronavírus, gerando uma nova instabilidade e preenchendo inclusive debates em fóruns sobre economia e até mesmo bate-papos do happy hour.

Se temos uma certeza sobre este assunto, é que não há motivos para pânico.

Decidimos por publicar semanalmente atualizações sobre esta doença, focado no impacto aos intercambistas que embarcam nos próximos meses.

Estamos em contato permanente com os nossos parceiros nos 5 continentes e entendendo individualmente a dinâmica de cada país. Até o momento a situação é de total normalidade dentro da maioria das instituições parceiras da ETC. As escolas começaram a tomar algumas medidas há semanas, tais como não receber alunos dos países onde possuem alto número de casos, dentro das escolas intensificando a higienização e monitorando os alunos com as práticas de prevenção.

Apenas os intercâmbios para o mês de abril  para a  Itália, China e Coreia do Sul decidimos adiá-los como forma preventiva e trazer uma maior tranquilidade aos nossos estudantes. Sabemos como é importante o planejamento do intercâmbio e a expectativa da viagem. ​Cada viagem é única e precisa ser a melhor experiência possível. ​Não queremos que esse sentimento de alegria seja transformado em preocupação e incerteza, e nem que se sinta pressionado a viajar!

E para quem viajará a partir de maio?

Ainda não é motivo para tomar nenhuma providência. OS NÚMEROS DE NOVOS CASOS ESTÃO DIMINUINDO A CADA AMANHECER, o que indica que a doença vem perdendo força e a situação deve se resolver nas próximas semanas. Para os viajantes ao hemisfério Norte, a preocupação é ainda menor, afinal, esse vírus se propagou durante o inverno, com temperaturas mais baixas. Ele não resiste no verão.

Vamos aos números e informações do mundo?

PaísNúmero casos confirmadosÓbitos
Austrália743
Alemanha7950
Canadá570
Coreia do Sul7.13450
Estados Unidos21311
França70610
Itália5.883234
Irlanda190
Malta30
Nova Zelândia50
Reino Unido2102

Dados atualizados em 08/03/2020 às 17:30 pelo Ministério da Saúde http://plataforma.saude.gov.br/novocoronavirus/#COVID-19-world

  • A China anunciou nesta segunda-feira (9) que registrou o menor número diário de infecções pelo novo coronavírus desde o início de janeiro. G1- 09/03/2020
  • Depois da China, os países mais afetados são a Coreia do Sul (6.767 casos, dos quais 483 são novos), Irã (4.747 casos, com 124 mortes), Itália (4.636 casos, 197 mortes) e Alemanha (684 casos, sem registo de casos mortais). Agência Brasil – 07/03/2020

Bem, algumas doenças globalmente propagadas já fazem parte do passado: Ebola, SARS, gripe suína, entre outras. Vieram, foram e hoje, só se tem notícias nos sites que armazenam reportagens históricas. O 11 de setembro, com a destruição das Twin Towers, embora super brutal, arrefecendo vidas inocentes e com toda a comoção que propagou, também faz parte do passado.  Esses e outros fatos marcantes que, repercutidos por uma mídia – em algumas situações, alarmista – geraram uma espécie de isolamento. Para nossa sorte, temporário! Parece que voltando ao passado, cada um queria ficar na sua “caverna”, observando a hora de poder voltar a sair… afinal, a vida está lá fora!

Assim é o mundo atual! Super conectado. Super globalizado. Algo que acontece do outro lado do mundo, chega aos nossos olhos (e aos nossos smartphones) instantaneamente. O terrível incêndio nas florestas da Austrália, transmitido em tempo real a nós, que vivemos conectados. E assim, acompanhando tudo ao mesmo tempo agora, a vida vem evoluindo! E o tempo vai passando. A globalização e a conectividade nos trouxeram ganhos diversos em vários aspectos! Trazem também alguns efeitos colaterais, mas que não se sobrepõem as maravilhas da tecnologia. Em algumas vezes, sentimos até insegurança do que está por vir. Mas, somos mais fortes! E precisamos exercitar aquele pensamento: Que a nossa vontade de ser feliz, seja maior que o nosso medo. ]

E conte com a ETC, que tem como missão IMPACTAR PESSOAS positivamente, transformando suas vidas por meio da educação intercultural e ​EXPERIÊNCIAS ÚNICAS​, aproveitando cada segundo do intercâmbio e do país escolhido.

Vídeo da médica geriatra Luciana Pricoli explicando sobre o Corona Vírus – Clique aqui